segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

ESTADO ISLÂMICO LEILOA MENINAS CRISTÃS COMO “ESCRAVAS SEXUAIS”

O portal GOSPEL PRIME publicou uma noticia estarrecedora a qual compartilho abaixo. Segundo informações  o mercado de escravas sexuais está funcionando as claras.

Previsto pelo Alcorão na Sura 4:24, a prática é explicitada em tempos de guerra – como a que os soldados do EI acreditam estar lutando. Eles não podem, contudo, usar muçulmanas para isso, portanto atualmente o leilão entre eles é com prisioneiras cristãs e yazidies, uma minoria religiosa do Curdistão.

Um vídeo encontrado no celular de um miliciano mostra um pouco como funciona a venda de mulheres capturadas pelos fundamentalistas. Outros relatos, como os da organização não governamental Humans Rights Watch, mostram testemunhos de mulheres que serviram como escravas contando que crianças também são compradas e vendidas.

Uma das edições da revista online Dabiq, publicada em inglês pelo EI justifica o uso de mulheres “infiéis” como escravas sexuais. O artigo intitulado de “A recuperação da escravidão antes da hora” afirma que o EI restabeleceu a escravidão em seu califado. Nos leilões, o preço varia. Quanto mais nova, maior o valor pedido.

Segundo o Daily Mail, existe uma espécie de tabela. Os valores são aproximados, considerando o câmbio desta semana.

Tabela---Preço-Escravas-do-EI

Um documento apresentado pelo site IraqiNews mostra que o valor de venda das mulheres e dos despojos de guerra vem tendo uma diminuição significativa. Mas o EI impôs um controle dos preços, ameaçando executar quem viola as diretrizes.

O vídeo que está sendo mostrado na mídia global foi filmado em Mosul, a segunda maior cidade do Iraque, de acordo com a Al Aan TV – que traduziu as falas para o inglês.

“Hoje é dia de mercado de escravas sexuais”, afirma diante da câmara um homem barbudo não identificado, cercado por vários outros combatentes. “Hoje é dia da entrega”, acrescenta. “Com a permissão de Alá, cada um de nós terá a sua parte”, garante.

Em pouco mais de dois minutos, eles riem e fazem piadas sobre as mulheres. Embora nenhuma delas seja mostrada, há menções que muitas têm apenas 15 anos de idade. Quando falam sobre o preço, um deles compara com o valor de uma pistola Glock usada. Outro diz que o negócio só será fechado depois que ele olhar os dentes da prisioneira.

Explica-se ainda que mulheres bonitas e de olhos azuis ou verdes custam mais caro. Um dos combatentes explica que “está escrito”, numa referência ao Alcorão. Outro esclarece que está procurando uma “menina”. Há inclusive um adolescente no vídeo, que parece familiarizado com o processo. No final, eles parecem olhar fotos em um celular, mas sem esclarecer onde elas estão. Ao demonstrar interesse por uma delas, ouve que aquela já morreu. Ele apenas ri.

Segundo dados de especialistas da Universidade de Oklahoma, o número de mulheres capturadas por milicianos do Estado Islâmico pode atingir 7000.

ASSISTAM O VÍDEO ABAIXO:





NOTA DO BLOG


Enquanto isso, em nosso país o governo brasileiro combate o que chama de Islamofobia. Tudo bem. até Acredito que existam mulçumanos que repudiem comportamentos como esse, todavia, o que vemos no video e na reportagem é de deixar qualquer cidadão de bem com nauseas. Sem sombra de dúvidas atitudes deste nipe afrontam a vida, alias, gostaria muito que a esquerda brasileira, que tanto fala e defende  os direitos humanos, se manifestasse publicamente contra essa prática hedionda.

Que Deus tenha misericóridia de nós!
Pastor Renato Vargens

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Bruna Karla - Camarim







Fonte:Fuxico Gospel

PÉROLAS DIÁRIAS.



"Pois a nossa pátria está nos céus, de onde também aguardamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo." (Filipenses 3.20).

A Bíblia parte do princípio de que nós, os que cremos no Senhor Jesus Cristo, já temos o céu mesmo estando ainda na terra. Não precisamos mais lutar para conseguir o céu; podemos viver a partir da certeza de que já temos uma pátria celestial. Mas como é que isso pode ser realizado aqui na terra? A resposta lemos em Colossenses 2.6: "Ora, como recebestes a Cristo Jesus, o Senhor, assim andai nele." Posso estar em Cristo e Ele estar em mim. É dessa maneira que eu ando nEle. Este é o andar nos céus. Jesus subiu aos céus com Seu corpo glorificado, onde agora está assentado à direita de Deus. Mas, ao mesmo tempo, Ele está na terra, só que em sentido inverso do nosso. Enquanto Ele se assenta ao lado do Pai literalmente, Ele habita em nossos corações pelo Espírito Santo, como diz Efésios 3.17: "...e assim habite Cristo nos vossos corações, pela fé."Assim conseguimos entender esse maravilhoso intercâmbio: enquanto que, com nosso corpo, ainda andamos sobre a terra, nosso espírito já está no céu. A conseqüência irrefutável é mencionada em 1 João 2.6: "...aquele que diz que permanece nele, esse deve também andar assim como ele andou."

21 de janeiro na História.

1793
Luís XVI é guilhotinado na Place de la Révolution (depois Place de la Concorde), em Paris.
1924
Morre em Gorki (atual Nijni Novgorod) Vladimir Ilitch Ulianov, político, filósofo russo e pensador marxista.
1939
É descoberto o primeiro poço brasileiro de petróleo, em Lobato BA
1954
EUA lança o primeiro submarino atômico, o Nautilus.
1955
O governo britânico protesta contra a instalação de uma base científica argentina na baía de Vahsel, no mar Weddell.
1956
Os EUA acusam a China de querer intervir em Formosa em troca da promessa de renunciar ao uso da força.
1957
Brasil e EUA concluem acordo para a instalação de uma estação de rastreamento de mísseis em Fernando de Noronha.
1964
Em Cabo Kennedy, Flórida, é lançado com êxito o Relay II, satélite experimental de comunicações.
1965
Cuba ameaça abater aviões de reconhecimento americanos que realizarem missões sobre a ilha.
1967
Rio de Janeiro sedia o Instituto Nacional do Cinema.
2002
Gigantesco blecaute atinge três regiões brasileiras decorrente do rompimento de um cabo na linha de transmissão que liga a hidrelétrica de Ilha Solteira à subestação de Araraquara SP.
2002
Terremoto mata cerca de trinta pessoas e fere centenas no México.

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

É VERDADE.

random image

É VERDADE.

Pregador faz a “oração do WhatsApp” por celulares de fiéis.

Pregador faz a “oração do WhatsApp” por celulares de fiéis

Cansado de receber notícia ruim pelo celular? Que tal conhecer a oração do zap zap? Foi com este nome que um vídeo publicado no Facebook atingiu a marca de mais de um milhão de visualizações.
Quem aparece orando por aparelhos celulares é o pregador Daniel Glória que pede aos fiéis que tragam os aparelhos e os deixem em uma mesa para receber a oração.
“Vamos orar para o seu celular só receber notícia de vitória”, diz ele incentivando os membros da pequena igreja – provavelmente de Belford Roxo (RJ) onde o religioso reside – a entrarem nessa corrente de oração.
“A notícia que vai vir pelo celular vai ser uma notícia doce”, afirma ele antes de iniciar a oração que repreende toda “notícia contrária” e “notícia ruim”.
A oração se tornou um viral pela forma como a oração termina: “Eu decreto que a vitória chegará no seu celular no zap, zap, zap”, disse Daniel Glória citando o aplicativo de mensagens instantânea WhatsApp.
Pela rede social os internautas tomavam posse da benção de receber notícias boas, enquanto outros gargalhavam da criatividade do religioso. Porém um grupo de críticos foi contra a pregação e falou até contra quem aceitava esse tipo de ensinamento.
Assista:

Gospel Prime

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

FAZ BEM OUVIR.


PARABÉNS A CAMPANHA EVANGELIZADORA DA CONGREGAÇÃO VILA DO QUARTEL QUATRO ANOS, LEVANDO O EVANGELHO, RESGATANDO VIDAS.


Garoto que inspirou “O Menino que voltou do céu” nega experiência sobrenatural.


Garoto que inspirou “O Menino que voltou do céu” nega experiência sobrenatural
"O menino que voltou do céu" nega experiência sobrenatural
Em 2010 a CPAD lançou no Brasil o livro “O Menino que Voltou do Céu” narrando a experiência de Alex Malarkey que em 2004 foi vítima de um acidente de carro que o deixou tetraplégico.
Foram dois meses em coma e quando ele voltou e teve alta do hospital começou a relatar sua experiência no paraíso, dizendo que fora conduzido por anjos até o céu.
A história impressionou leitores em todo o mundo, mas cinco anos após o lançamento do livro o menino, hoje com 10 anos, veio a público dizer que mentiu, que não teve nenhuma experiência sobrenatural.
“Eu não morri. Eu não fui para o paraíso”, disse Malarkey em uma declaração oficial. “Eu disse que fui para o paraíso porque eu acho que estava querendo atenção. Quando eu fiz aquilo, eu nunca tinha lido a Bíblia. As pessoas têm lucrado com mentiras. E continuam lucrando”.
Na época do lançamento o livro ficou entre os mais vendidos do “The New York Times” e figura no filão literário chamado pelo jornal americano de “heavenly tourism” que conta com best-sellers como o “O Céu é de Verdade”, “90 Minutos no Céu”, “Cenas do Além” e “Meu Tempo No Céu” que também narram experiências sobrenaturais de pessoas que, em experiências de quase morte, visitaram o céu.
Ao desmentir sua visão sobre o paraíso, Malarkey pediu para que as pessoas acreditem apenas na Bíblia. “Eu quero que todo o mundo saiba que a Bíblia é suficiente. Aqueles que comercializarem esses materiais devem ser chamados a arrepender-se e ter a Bíblia como suficiente”.
Em seu blog a mãe do garoto também criticou a venda do livro e disse que é “intrigante e doloroso” ver que o livro continua a ser vendido e que as pessoas não o questionam.
A edição brasileira está esgotada no fornecedor e a CPAD não comercializa mais o livro “O Menino que Voltou do Céu”. A editora americana que publicou a obra, Tyndale House, comentou o caso ao jornal Washington Post e disse que todos os livros serão recolhidos das livrarias e não serão mais comercializados. 
Com informações UOL.

O Rétété não teve origem nas igrejas Pentecostais.


Diferente do que muitos pensam, o RÉTÉTÉ (ou "sapatinho de fogo" em alguns estados brasileiros) não é uma característica proveniente do pentecostalismo. 

O movimento surgiu paralelamente ao movimento pentecostal.
 "Em 1923. Gunnar Vingren, um dos maiores fundadores da Assembléia de Deus no Brasil, fora informado de que certo movimento pentecostal começava a alastrar-se por Santa Catarina. Sem perda de tempo Vingren deixou Belém do Pará, berço do pentecostalismo brasileiro, e embarcou para o Sul. No endereço indicado, veio ele a constatar: 'Não se tratava de pentecostes, mas feitiçaria e baixo espiritismo."*
O movimento nos moldes do RÉTÉTÉ não teve origem brasileira, mas estrangeira, embora o rótulo adotado só seja conhecido no Brasil. O seu nome original é "unção de Toronto", referente ao local onde acontecia a prática ESOTÉRICA da Igreja Comunhão da Videira do Aeroporto de Toronto - Canadá, uma das igrejas que mais deram notoriedade ao movimento a partir de 1994:

"Ao contrário das demais igrejas pentecostais, que buscam preservar a ortodoxia doutrinária, a igreja do Aeroporto... granjeou surpreendente notoriedade em virtude das manifestações que ocorriam em seus cultos. Dizendo-se cheios do Espírito, os frequentadores dessa igreja começaram a manifestar-se de maneira estranha e até mesmo exótica. Em dado momento, todos punham-se a rir de maneira incontrolável, alguns chegavam a rolar pelo chão. Justificando esse bizarro comportamento, alegavam tratar-se de "gargalhada santa". Outros iam mais longe: não se limitavam ao som estrepitoso dos risos; saíam urrando como se fossem leões, carneiros, ou bradando como guerreiros, fora os que caíam no Espírito".*
*Revista DEFESA DA FÉ -  edição especial,  página 115

Hoje, diversas igrejas intituladas "Assembléia de Deus" ou de segmentos "pentecostais" se envolveram com esse tipo de comportamento, anarquizando o já tão fragilizado movimento carismático pentecostal. 

A frase "SOLA SCRIPTURA" dos reformadores, raiz do movimento evangélico que defendia o abandono dos ritos e costumes que estavam fora da Palavra, fica comprometido diante de tantas experiências pessoais que são postas igual e até acima ou no lugar das Escrituras.

A RAIZ DO PROBLEMA DOS MODISMOS

A outra problemática dos modismos do tipo Rétété é o mau uso da aplicação pessoal das Escrituras. O que é aplicação pessoal das Escrituras? 

É o ato de se trazer um texto bíblico para sua vida, onde não há problema algum. 

Só que hoje os atuais locais -ditos - pentecostais extrapolam nas formas interpretativas, onde Deus lhe fala pessoalmente no texto, transformando em regra ou doutrina aquilo que nem o autor do texto bíblico quis dizer, causando isolamento e total descontextualização, causando distorções e oferecendo uma promessa biblíca que jamais ocorrerá. Abaixo, um exemplo de bom uso de aplicação pessoal:
Você está triste e abatido, mas lendo as Escrituras se depara com o seguinte dizer: 
"Não temas, porque Eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou o teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a minha destra fiel". (Is.41.10). 
Então, Deus lhe fala ao coração, embora o texto se refira à nação de Israel (v.8) o leitor bíblico aplica essa palavra a sua vida e não terá problema algum, já que aplicou o texto para si, mas não criou um isolamento total do trecho, não desprezando seu contexto, já que pois como Israel passou por tristeza e abatimento, o Cristão passa. Dessa forma, poderá até usá-lo para outras pessoas que estiverem tristes e abatidas.

Vejamos um exemplo de mau uso da aplicação pessoal:
"Invoca-me, e te responderei; anunciar-te-ei coisas grandes e ocultas, que não sabes". (Jr.33.3). 
Nesse momento, o leitor desprovido da capacidade de interpretar ou texto ou apenas malicioso (não sei, Deus o sabe) toma essa palavra para ele e se coloca como portador da revelação. E que orando e buscando a Deus "coisas grandes e ocultas" lhe será revelará especialmente pelo Senhor. 

Por isso surgem cada vez mais pseudo-gurus espirituais, anunciando o fim dos tempos, entre outras interpretações estapafúrdias que jamais ocorrem.

Menos meu filho, menos! O grande problema do mau uso da aplicação pessoal das Escrituras está entre a cadeira e a Bíblia - o ser humano soberbo, narcisista e egoísta que pensa ser grande coisa.

Deus fala para um cristão pela Escritura de forma pessoal. Porém, a partir do momento que esse discípulo leva a forma pessoal que o texto lhe falou, saindo totalmente do contexto e faz dele regra ou doutrina, já não é mais Palavra de Deus. 

O Pastor Raimundo de Oliveira, autor do livro "Seitas e Heresias", já dizia: 
"As palavras de Deus interpretadas no sentido em que Deus as disse, são palavras de Deus, mas interpretadas no sentido que nós queremos, não são palavras de Deus, antes podem ser palavras do Diabo". 
A Bíblia nos ensina: "sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação". (2Pe.1.20).

Baseados em informações vistas no Sob Graça
Fonte:Site Cristão Confuso

Pérolas Diárias.

"Evita discussões insensatas, genealogias, e contendas, e debates sobre a lei; porque não têm utilidade e são fúteis." (Tito 3.9)
Existem os que duvidam de tudo e existem aqueles que procuram a verdade. Há filhos de Deus que não conseguem entender certas questões angustiantes e não encontram resposta para elas. Tenho certeza de que entre os meus leitores há aqueles que já clamaram muitas vezes: ""! Senhor, por que justamente eu?" E Deus se cala! Mas por que Ele não lhe responde? Porque Ele ama você! Pois está escrito: "...calar-se-á por seu amor." (ERC). O Filho de Deus bradou na cruz: "Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?" Mas Deus se calou. Por que Ele se calou? Não era Seu Filho amado que se encontrava naquela cruz, padecendo debaixo do pesado fardo de pecados do mundo todo? Mas Deus nada respondeu. Por quê? Por amor a você e a mim! O autor de Cantares exclama: "...o amor é forte como a morte." Deus amou tanto a Seu Filho que chegou a bradar do céu: "Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo: a ele ouvi!"Jesus Cristo teve de experimentar o distanciamento de Deus por amor a você e a mim, e quando Jesus clamou ao Pai, Deus se calou. Por quê? Repito mais uma vez: porque Ele muito lhe amou! Esse amor foi mais forte que a morte de Seu Filho.

19 de janeiro na História.



1841
Pedro de Araújo Lima, futuro marquês de Olinda, e Luís Alves de Lima e Silva anunciam o fim da Balaiada, rebelião no Maranhão
1951
A ofensiva vietnamita na Indochina, ao norte de Hanói, é derrotada por forças francesas após uma semana de duros combates.
1954
A empresa americana United Fruit rejeita exigência da Costa Rica em dividir os lucros auferidos em território costarriquenho.
1955
EUA proíbem soviéticos de fotografar ou desenhar instalações americanas.
1957
A Assembleia Geral da ONU decide, por 74 votos a 2, renovar o pedido a Israel para que retire suas tropas do território egípcio.
1958
Equipe britânica comandada por Vivian Fuchs alcança o polo Sul.
1960
O secretário de Defesa, Thomas Gates, declara que os EUA levam nítida vantagem sobre a URSS em armamentos nucleares.
1961
O governo americano autoriza a ITT a operar a primeira linha de comunicações via satélite entre EUA e Europa.
1963
O jornal Yomiuri Shimbun, de Tóquio, informa que o Japão descobriu que a China fabricou duas bombas nucleares.
1965
Países do Pacto de Varsóvia se reúnem.
1967
A União Soviética envia ao espaço seu primeiro satélite artificial do ano, o Cosmos 138.
1968
Um relatório oficial americano fixa em 120.000 as baixas dos EUA desde o início da guerra do Vietnam.
Fonte:Barsa Saber